Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Juiz de Fora > Projeto de Extensão contribui com a educação de crianças e jovens durante a pandemia
conteúdo

Extensão

Projeto de Extensão contribui com a educação de crianças e jovens durante a pandemia

publicado: 14/06/2021 11h59, última modificação: 28/07/2021 17h10
Sete jovens do Lar de Laura recebem acompanhamento pedagógico de forma virtual com a ajuda do projeto

O projeto de extensão "Reforço escolar para as Crianças do Lar de Laura" foi desenvolvido com a finalidade de contribuir para superar os desafios enfrentados pela educação durante a pandemia. Ele é resultado de uma parceria entre o Campus Juiz de Fora e a Associação Municipal de Apoio Comunitário (Amac). 

Para realizar o reforço escolar de forma virtual, o Instituto emprestou dois computadores para serem instalados no Lar de Laura. Os atendimentos são feitos de forma individual para cada criança ou adolescente, sendo que em cada uma das aulas participam, juntamente a eles, um professor ou pedagogo e um aluno do IF Sudeste MG. Jogos e atividades são realizados com a intenção de reforçar o aprendizado de uma maneira lúdica, estimulando as capacidades de cada participante.

Coordenado e idealizado pelos professores Francisco Manfrini e Adriana Scheffer, a iniciativa conta com a participação de servidores do Instituto e alunos dos cursos de Engenharia Mecatrônica e Licenciatura em Física. Atualmente, sete crianças e adolescentes são atendidos pelo projeto, e as aulas ocorrem semanalmente de quarta à sexta-feira. 

O Lar de Laura faz o acolhimento institucional para crianças vítimas de violência doméstica ou negligência, garantindo e incentivando o desenvolvimento psicológico, social, escolar, esportivo e cultural. Francisco Manfrini  relata que a interação com as crianças e adolescentes tem sido ótima e novas ideias estão surgindo para ampliar o projeto.

“As práticas de extensão possibilitam o desenvolvimento de uma infinidade de projetos relevantes que permitem ao Campus Juiz de Fora ampliar o atendimento à comunidade. Com isso, podemos identificar os problemas e, a partir de nosso conhecimento e experiência, propor soluções”, conclui.

A equipe do projeto preparou um vídeo com as ações desenvolvidas. Clique aqui e confira. 

registrado em: