Você está aqui: Página Inicial > Notícias > São João del-Rei > Reunião administrativa abre atividades do semestre letivo
conteúdo

Geral

Reunião administrativa abre atividades do semestre letivo

Ponto forte do encontro de servidores foi discutir o orçamento de 2019 e de 2020
publicado: 08/08/2019 12h19, última modificação: 18/08/2019 19h07
Exibir carrossel de imagens Servidores participaram de reunião administrativa
  • "> IMG_2454.JPG
  • "> IMG_2456.JPG
  • "> IMG_2462.JPG
  • "> IMG_2481.JPG
  • "> IMG_2493.JPG
  • "> IMG_2501.JPG
  • "> IMG_2505.JPG

Servidores participaram de reunião administrativa

Buscando reforçar seu compromisso com uma gestão dialógica e transparente a direção-geral realizou no dia 30 de julho uma reunião administrativa com a participação de muitos servidores. A atividade marca o início do segundo semestre letivo no Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais- Campus São João del-Rei.

Durante a reunião, foram repassados os avanços e aquisições conquistas no primeiro semestre de 2019, frutos ainda do orçamento e recursos complementares liberados em 2018 e empenhos executados ainda de 2017.

O diretor-geral, Professor Ataualpa Luiz de Oliveira, junto ao diretor de Administração e Planejamento, Eduardo Caliani Júnior,  apresentaram ainda o orçamento de 2019 e os impactos do contingenciamento e os recursos ainda disponíveis para execução.  No segundo momento, foi apresentado o planejamento financeiro de 2020 para dúvidas, esclarecimentos e sugestões com a participação dos servidores presentes.  Conforme informado na reunião administrativa, a planilha foi ainda enviada para o e-mail geral do Campus São João del-Rei  no dia 05 de agosto, esta segunda-feira.

“Acredito que este seja um exercício importante para a comunidade, conhecer o modo com  construímos, bem como as limitações, do orçamento público, principalmente quando os recursos são limitados. Precisamos definir prioridades e fazer escolhas estratégicas que foquem no maior benefício para nosso público-alvo, que são os alunos e servidores.”, reforça Ataualpa Oliveira. O diretor-geral ainda acrescenta que essa é a oportunidade para a comunidade opinar, apresentar demandas e auxiliar a gestão na busca da melhor distribuição dos recursos. “Somente com este exercício, a gestão poderá se organizar para tentar, na medida do possível, atender às diversas demandas que a comunidade apresentar”, conclui.

registrado em: