Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Reitoria > Mestrandas do IF Sudeste MG realizam mobilidade acadêmica em Portugal
conteúdo

Destaque

Mestrandas do IF Sudeste MG realizam mobilidade acadêmica em Portugal

As estudantes foram selecionadas pelo Programa IF Sudeste MG INTERNACIONAL - Pós-graduação para complementarem suas pesquisas em Portugal.
publicado: 11/02/2020 11h38, última modificação: 18/03/2020 17h01
Exibir carrossel de imagens #Pratodosverem: Estudante Ana Carolina realiza trabalho de campo com caprinos.

#Pratodosverem: Estudante Ana Carolina realiza trabalho de campo com caprinos.

O Programa IF Sudeste MG INTERNACIONAL - Pós-graduação selecionou cinco alunas dos três mestrados profissionais do Campus Rio Pomba para complementarem suas pesquisas em Portugal. As discentes Sabrine de Cássia Batista Silva, do mestrado profissional em Ciência e Tecnologia de Alimentos, Iolanda Silveira Freitas e Ana Carolina Garcia Ferreira, do mestrado profissional em Nutrição e Produção Animal, e Priscila Patrícia Moura Oliveira e Elisete Gonçalves da Fonseca, do mestrado profissional em Educação Profissional e Tecnológica estiveram no Instituto Politécnico da Guarda, no Instituto Politécnico do Porto e no Instituto Politécnico de Bragança, respectivamente, entre 1º de novembro e 6 de dezembro de 2019.

Experiências acadêmicas e culturais

A estudante Elisete Gonçalves da Fonseca destacou a relevância da oportunidade: “Aprimorei a minha atuação em trabalho em grupo, pude contribuir para o desenvolvimento da pesquisa, dando opiniões que foram muito bem recebidas. Além disso, aprendi a valorizar o nosso ensino, considerado menos conservador pelos colegas portugueses” afirma Elisete.

A mestranda destacou ainda a qualidade das instalações da instituição parceira: “Eles têm uma ótima gestão do patrimônio público, o campus é impecável, com móveis e instalações de boa qualidade em um ambiente bastante limpo”, avalia ela.   

Iolanda, que viajou para realizar um experimento complementar à sua dissertação de mestrado, sobre suplementação de selênio em cabritos, relata detalhes do seu trabalho. “Foram separados dois grupos de animais, um com aplicação de selênio via muscular e o outro grupo de animais sem aplicação de selênio. O peso individual dos animais, a temperatura retal e a fotografia térmica do canto ocular eram avaliados duas vezes por semana. Também realizamos atividades no campo na Associação de ovelhas churra galega bragançana (ACOB). Realizamos o controle efetivo dos animais e brincagem e também inserimos o chip nos animais”.

Por sua vez, a acadêmica Sabrine de Cássia Batista Silva, do Mestrado Profissional em Ciência e Tecnologia de Alimentos, ressaltou a importância da interação com as orientadoras do Instituto Politécnico do Porto para a sua pesquisa. “Pude receber orientação de professoras altamente qualificadas para testar as amostras de chá que levei na aquisição de métodos para avaliar o teor de proteínas em alimentos”. Por fim, a aluna enfatiza a importância de conhecer a cultura local da cidade do Porto: “Conheci diversas novidades gastronômicas e diversos pontos turísticos de Porto e Vila Nova de Gaia aos finais de semana, como a tão famosa Ribeira. O período de mobilidade me enriqueceu com muitos saberes, acadêmicos e culturais, comemora Sabrine.

Projeto IF Sudeste MG INTERNACIONAL

Segundo o Diretor de Relações Internacionais e Interinstitucionais do IF Sudeste MG, Professor Daniel de Oliveira, há uma lacuna global em ações de internacionalização voltadas para a pesquisa em pós-graduação e esta iniciativa-piloto do IF Sudeste MG supriu, em grande medida, esta demanda. “É fundamental expandir a agenda do projeto IF Sudeste MG INTERNACIONAL, em colaboração com todos os eixos finalísticos, para que possamos fortalecer ainda mais as redes de projetos de ensino, pesquisa e inovação, e de extensão, por meio de iniciativas de internacionalização, buscando, ao mesmo tempo, fortalecer as relações interinstitucionais do IF Sudeste MG. Esse é um dos diferenciais da nossa instituição: acreditarmos no potencial transformador da formação integral ofertada aos nossos estudantes”, aponta Daniel.